Rendimento da Poupança 2014 – Quanto Rende? 2014

Dicas e informações sobre quanto pode render a poupança em 2014

rendimento poupanca Rendimento da Poupança 2014   Quanto Rende?

Nas ultimas semanas muito tem se falado sobre a poupança, novas regras, diminuição nos rendimentos, e que teve acontecido até agora. Um novo cenário tem sido marcado pelas autoridades, de acordo com as ultimas novidades publicadas nos jornais e que publicamente foram discutidas pelas autoridades. Aparentemente, com as modificações atuais, quem esteja com dinheiro em poupança já não vai poder desfrutar dos benefícios atuais, e os investidores vão ter que assumir mais riscos se querem ter um lucro maior nos próximos anos.

Mas a coisa não e muito extrema não. Por exemplo as poupanças já existentes, de acordo com as novas regras, seguiram sem modificações, recebendo os mesmos rendimentos que antes. As regras são aplicáveis para abertura de poupança a partir de agora, as que verão modificações nos rendimentos já que foram modificadas as cifras em quanto a taxas e juros.

As motivações do governo para fazer essa mudança são validas, segundo as criticas de muitos economistas que publicaram suas opiniões na internet. O Brasil conta com altos rendimentos de poupança, prejudicando outras formas que o governo quer promover. O objetivo principal do governo é dar mais espaço para quedas adicionais na taxa básica de juros, a Selic. Assim, o que acontece é que quando a taxa Selic for igual ou menor a 8.5% ao ano, o rendimento da poupança 2014 vai diminuir. Atualmente esse numero esta em 9%.

Segundo os argumentos das novas regras, quando isso ocorrer (taxa Selic igual ou menor a 8.5% ao ano), novos depósitos e cadernetas de poupança calcularam seus rendimentos tendo como base o 70% da Selic, acrescidos da taxa referencial que de acordo com a informação relevada, não muda.

Até agora a poupança tinha um rendimento mínimo, com ganhos garantidos e isento de IR, segundo a lei. Com as novas regras, a situação com a queda da Selic se tornaria mais atrativa que outras opções, como investimentos em renda fixa e títulos do governo.

Faça o calculo do seu rendimento ingressando a Calculadora do Cidadão, no site do Banco Central aqui https://www3.bcb.gov.br/CALCIDADAO/publico/exibirFormCorrecaoValores.do?method=exibirFormCorrecaoValores&aba=3




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *